As diferenças entre Brasil e Italia – parte III Benessere e beleza

As diferenças entre Brasil e Italia – parte III Benessere e beleza

Outro dia subi em um onibus que estava cheio de adolescentes de 13/14 anos indo para a escola. Qual foi a minha surpresa em ver que todas aquelas miniaturas de mulher estavam maquiadas! A mais simplezinha estava com um lapis no olho e batom. Mas tinham as que passavam base, blush, sombra, pareciam que iam ser capa de uma revista como a Capricho. E quando cresce nao muda nada: é dificilissimo ver uma italiana sair de casa sem estar maquiada.

Um amigo italiano diz que reconhece as brasileiras pela “cara lavada”. E’ muito dificil ver brasileiras maquiadas. E eh verdade. O estilo brasileiro eh muito mais despojado. Talvez porque o calor tropical iniba qualquer tentativa de maquiagem. Passar base com 40 graus é uma coisa, com 10 é outra.

Os homens italianos tambem sao mimadissimos, frequentam perfumarias e farmacias onde compram produto especiais para a pele, para evitar rugas (mesmo que tenham 25 anos), autobronzeadores, tratamentos especiais para o cabelo. Sem falar na depilaçao que muitos fazem durante o verao, coisa que no Brasil seria considerada ultra-gay.

Nao eh a toa que uma revista italiana tem as vezes ate 300 paginas, sendo 70% delas publicidade de moda e produtinhos para se cuidar! E a industria gira…

Barbara Bueno é uma jornalista brasileira que mora em Florença desde março 2005. Foi para a Toscana em busca das suas origens italianas; em janeiro de 2007 criou o BRASIL NA ITALIA. Em 2010 foi a responsável pelo blog oficial da Região Toscana escrito em inglês (http://www.turismo.intoscana.it/allthingstuscany/aroundtuscany) e atualmente trabalha com comunicação digital e tradicional. Dúvidas sobre a Italia são respondidas exclusivamente online. Escreva um comentário abaixo ou publique sua pergunta aqui.

7 COMENTÁRIOS

  1. Oi, eu de novo. Repare nas revistas o número de anúncios reservados ao público masculino…é sempre maior. Isso me chamou muito a atenção, visto que no Brasil, como tu observou, homem se cuidar é sinomimo de ser gay.
    Rogério.

  2. muito legal seu texto, aqui ninguem jogo o lixo fora sem passar um corretivo, estao sempre muito arrumadas, estou escrevendo tambèm algumas coisas sobre diferenças entre brasil i italia.

  3. No começo da minha estadia aqui me sentia uma maloqueira na sala de aula. Imagina, master, em Milao, as meninas iam para a aula impecaveis. E eu com complexo de cabelo ondulado, achava que estava sempre descabelada. Mas depois reparei que nem todas usavam maquiagem e salto, muitas iam de tenis velho e jeans, sem maquiagem. E algumas iam arrumadas, com maquiagem, mas com cabelo sujo, fedido.
    Sobre as meninas novas com maquiagem, lembro quando pegava o trem no horario dos estudantes dos primeiros anos da superiore. Um dia tres meninas se sentaram comigo e uma delas estava toda preocupada porque tinha molhado o cabelo dela. E ainda comentou: “Mi sono svegliata alle 6 per lisciare i capelli e guarda cosa mi è successo!”. Tudo bem tal comentario para uma menina de 15 anos, mas para uma universitaria, como a da cena que presenciei com minha irma no banheiro da faculdade de administraçao da USP, é um pouco ridiculo. A moça, descendente de japones, cabelo lisinho, toda fighetta, entrou desesperada no banheiro e começou a comentar com a amiga: “Nossa, meu cabelo esta um verdadeiro pichaim!”. Foi uma troca de olhares com minha irma e uma vontade de soltar uma risada daquelas!
    As brasileiras usam muita maquiagem sim, principalmente as que frequentam a Paulista. So que o problema é que a maquiagem nao dura tanto por causa do calor. Lembro de uma vez que a professora de italiano no Brasil nos disse que era uma cena comum as italianas bem vestidas e maquiadas, até a que limpava os vidros da loja, impecavel com maquiagem e salto, enquanto no Brasil as mulheres nao usavam maquiagem, pois tinham que suportam o calor de uma sala de aula sem ar condicionado (faculdade publica no Brasil é assim, fazer o que?). Também contou a historia do agasalho dela, que achava lindo e que era a moda no Brasil nos anos 80. Foi para a casa de uns amigos com a tal tuta e todos começaram a rir dela, pois na Italia nao era casual, so esportiva.
    Uma coisa que notei é que aqui as italianas nao usam muito salto alto. Para falar a verdade, aderi à moda do salto baixo, muito mais pratico e menos dolorido. E sem risco de ficar presa num buraco (quando a Paulista ainda era cheia das pedrinhas era um sufoco!). Ah, e os oculos sao usados com mais frequencia que no Brasil, até pelas mulheres. No Brasil tem muita gente com aquele preconceito bobo que oculos é coisa de nerd ou de gente que quer se esconder, que é feia (a Gisele Bundchen no filme O Diabo veste Prada nao ficou feia com oculos :D) . Ja sofri tanto por causa disso, aqui acho uma maravilha e muitos italianos preferem mulheres de oculos. Outro aspecto interessante sao as bolsinhas a tiracolo que os homens usam. A primeira vez que vi meu colega de classe usando, achei que estivesse brincando, mas depois vi que ele foi embora com a tal bolsinha e logo depois vi na rua um outro rapaz com a tal bolsa.
    Mas o que acho mais contraditorio é ver uma mulher toda arrumada, cabelo impecavel e maquiada, assoar o nariz fazendo barulho, na frente de todo mundo. A primeira vez que vi achei que a pessoa fosse simploria, mas depois vi que todo mundo fazia…

  4. No fim deste mês de junho vou pela primeia vez a Itália,Milão mais propriamente e estou curiosa com o que vou encontrar,sou uma portuga vaidosa,gosto de andar sempre bem maquilhada,bem vestida e de saltos bem altos,sou da cidade do PORTO e na minha cidade desde muito cedo as meninas são muito vaidosas com o seu aspeto,por vezes até dizem que é demais mas isso nunca,nunca é demais para darmos nas vistas pela bem claro sem estar vulgar,gostava que alguma menina me dessa umas dicas como me vou vestir lá em Milão,em janeiro tive em Paris e todo o mundo me confundia com italiana por isso agora tou chaeia de curiosidade.

  5. Oi Alexandra, tudo bem?
    Eu adoro a cidade do Porto! :) Estive aí no verão do ano passado e conheci pessoas maravilhosas, comi muito bem e fui embora morrendo de vontade de voltar. :)

    Se você esteve em Paris e arrasou, certamente vai repetir a dose aqui em Milão. Aqui a maquiagem cai sempre bem, assim como acessórios bonitos como um belo sapato ou bolsa.

    Você pode dar uma olhadinha nas tendências no site dessa revista:
    http://www.style.it/moda.aspx

    Abraços e até breve,

    Barbara

Responder