Este post faz parte da Blogagem Coletiva de Gastronomia Italiana, a qual é promovida por blogueiras brasileiras residentes na Itália que durante as sextas-feiras de outubro vão publicar uma série de textos sobre especialidades da cozinha italiana.

Hoje vou falar sobre um prato que é super tradicional em uma área da Toscana conhecida como Mugello. Os leitores mais assíduos do blog provavelmente já ouviram falar dessa região porque eu já dei inclusive 6 boas razões para conhecer o Mugello e uma delas era diretamente ligada a gastronomia.

Ao contrário do que as pessoas imaginam, os pratos típicos da Toscana em geral são bastante simples e usam ingredientes considerados “pobres”. Como é o caso do famoso “tortello di patate”: quadradões macios, de cor amarelada, recheados com batata cozida, queijo, alho e salsinha. O perfume é aquele da massa fresca e o sabor aquele das batatas.

tortelli_mugello
os famosos tortelli de batatas do Mugello*

O tortello nasce como um prato pobre: o recheio se transforma em batata com a colheita das primeiras batatas semeadas na metade do século XIX. Esse novo recheio é uma alternativa ao recheio de castanhas, um produto típico de toda a região dos apeninos.

O segredo do sucesso desse prato ainda nos dias de hoje é na massa fresca, feita em casa ou, no mínimo, preparada de forma artesanal. Uma boa pedida principalmente nos meses mais frios do ano, quando a gente precisa de mais energia e quer algo bem quentinho, saindo fumacinha.

Tortelli di patate al ragù
Tortelli di patate al ragù que experimentei em restaurante no Mugello

Em geral os restaurantes do Mugello oferecem o prato em quatro versões diferentes, de acordo com o molho preferido pelo cliente: al sugo (molho de tomate), al ragù (molho à bolonhesa), ai funghi (com molho à base de cogumelos) ou o mais simples burro e salvia (manteiga e sálvia).

E você, já experimentou este prato? Gostou? Conta pra gente!

blogagem_coletiva_gastronomia

Visite os outros blogs que participam da blogagem coletiva e descubra as delícias da Itália:

http://www.milaonasmaos.it
http://passeiosnatoscana.com
http://turismoemroma.com
http://www.viagemitalia.com

 

 

 

* Crédito foto: divulgação

9 COMENTÁRIOS

  1. Esse prato eu não conhecia. Quem sabe um dia eu não o como quando voltar à Toscana?

    Abraços,

    Maria

DEIXE UMA RESPOSTA