Organizar uma viagem é quase como começar a viajar antes mesmo de partir: a gente sonha com os lugares que gostaria de conhecer, com as coisas que gostaria de fazer e experimentar. Mas claro, dá trabalho. Você vai passar horas pesquisando, fazendo escolhas, contas e acertando os detalhes.

Quem não tem paciência pode comprar um pacote fechado de vários dias na Italia com hotel e transporte incluído ou consultar uma agência de viagens. Mas não é pra isso que você veio até aqui, né? Eu vou te ensinar como fazer, baseado no que aprendi ao longo dos meus anos de viajante e, claro, conselhos e dicas de outros viajantes são mais do que bem vindos!

Índice do artigo:
1. Comprar a passagem intercontinental Brasil-Itália
2. Decidir o roteiro da viagem
3. Reservar hotel
4. Deslocamentos na Itália
5. Reservar tours e passeios
6. Faça o seu seguro de viagem
7. Imprima tudo antes de partir

1. Comprar a passagem intercontinental Brasil-Itália

passagens-aereas

Hoje em dia muita gente espera promoções de passagens aéreas para decidir a data e duração da viagem, por isso é inútil montar um roteiro sem saber exatamente em qual período você estará na Itália e por quantos dias.

Ache uma boa oferta que coincida com suas férias e aí a gente pode começar a pensar no resto. Mas como encontrar uma boa oferta? Você pode ir diretamente no site das principais companhias aéreas, perguntar para o seu agente de viagens de confiança, usar o Google Voos…

Pesquise ofertas de vôos na Passagens Promo

Outra dica importante nesses tempos de pandemia covid-19 é checar quais são as regras e restrições de viagem no país de destino da viagem. As regras mudam o tempo todo então é sempre bom checar com frequência.

2. Decidir o roteiro da viagem

Com a passagem comprada você já pode passar para o segundo passo: montar um roteiro, ou seja, decidir quais cidades conhecer e quantos dias ficar em cada uma.

Mapa da Itália

Se essa é a sua primeira vez na Itália e você não tem idéia de por onde começar, eu sugiro que dê uma olhada no Itinerário Clássico de 15 dias: ele é uma ótima base para o seu roteiro, você pode aumentar ou diminui a duração, pode incluir cidades no meio do caminho, mas já tem o traçado básico das cidades que não podem faltar em uma primeira viagem a Itália.

Para quem já tem certeza que quer passear pela Toscana, a dica é o roteiro de 7 dias na Toscana (itinerário clássico).

Confira também o elenco de destinos na Itália e no mundo do BRASIL NA ITALIA.

3. Reservar hotel

Agora que você já sabe quais cidades visitar, nada melhor do que começar a pesquisar preços de hotéis e reservar.

Eu recomendo Booking.com porque geralmente existe a política de cancelamento gratuito  (cheque sempre isso antes de confirmar a reserva!) e, se depois de reservar você achar algum outro hotel mais bacana e por um preço melhor é só alterar a sua reserva.

hotel-familia-ambasciatori

Além disso, é muito mais fácil administrar a reserva de vários hotéis em diversas cidades através de um único site, que por sinal costuma ter o melhor preço. Também costumo compartilhar minhas dicas de hotéis bacanas na Itália aqui.

4. Deslocamentos na Itália

Depois de reservar os hotéis, escolha como fazer os deslocamentos na Itália: carro, trem, avião, barco, ônibus?

glamour_trem_alta_velocidade

Não existe uma resposta única que sirva para todo mundo, cada um tem um estilo e um budget diferente. Se você optar pelo aluguel de carro, pesquise preços através do nosso parceiro Rental Cars com ofertas dos carros oferecidos pelas principais empresas de locação de automóvel.

Fique por dentro das dicas e notícias sobre Transporte na Italia aqui

5. Reservar tours e passeios

Conheço muita gente que prefere decidir o que fazer em cada cidade na hora, mas convenhamos, essa não é uma boa idéia.

Por quê? Porque na última hora nem sempre você consegue vaga para visitar o museu que queria, nem sempre acha um guia com a agenda livre para te acompanhar, nem sempre consegue chegar na hora em que a atração está aberta.

Eu (Barbara Bueno) no teatro de Segesta
Eu (Barbara Bueno) no teatro de Segesta

Ainda mais se você viaja na alta estação.

Quem reserva antes, evita perder tempo durante a viagem. Afinal você está de férias e nas férias nada melhor do que curtir sem ter complicação, não é mesmo?

Sem falar que ao reservar com antecedência você consegue tarifas melhores.

6. Faça o seu seguro de viagem

Para viajar para a Itália e Europa você precisa ter um seguro de viagem: ele pode ser pedido na imigração e pode evitar que você vá a falência no caso de um problema durante a sua viagem.

reserve-online-sua-viagem

Além disso, muitas seguradoras oferecem outras opções além do clássico seguro saúde como assistência no caso de extravio de malas, atraso de vôos, cancelamento da viagem. Não dê bobeira e não deixe de fazer o seu seguro (é mais barato do que você pensa!).

7. Imprimir tudo antes de partir

bagagem-malas-no-aeroportoÉ sempre melhor prevenir do que remediar por isso sugiro que você imprima passagens aéreas,  confirmação de reserva de hotéis, tours e deslocamentos.

Por segurança também costumo imprimir uma cópia dos passaportes, cartões de crédito e tiro sempre uma foto da mala antes de despachá-la no aeroporto.

Agora é só arrumar as malas (não exagere, hein!) e curtir. Boa viagem! Depois me conta como foi…

Parceiros:

RESERVE SUA ACOMODAÇÃO AGORA

Reserve sua hospedagem na Italia, no Brasil ou em qualquer outro país do mundo com nosso parceiro Booking.com!

Você encontra as melhores ofertas e ainda colabora com o nosso site. Obrigada!

RESERVE TRANSFERS E TOURS ONLINE

Reserve transfers, tours e excursões na Italia e no mundo com a nossa parceira Get Your Guide

Artigo anteriorHora certa na Itália
Próximo artigoPistoia: fora da rota turística tradicional na Toscana
Barbara Bueno - brasilnaitalia
Barbara Bueno é uma jornalista brasileira que mora em Florença desde março de 2005. Foi para a Toscana em busca das suas origens italianas. Em janeiro de 2007 criou o blog BRASIL NA ITALIA. Já trabalhou como content manager para a Regione Toscana, obteve habilitação como assistente turística e foi proprietária de agência de viagem na Italia (até chegar a pandemia...). Hoje se interessa por criptomoedas e voltou a fazer o que mais gosta: buscar novidades, visitar lugares interessantes e escrever! Se você tem uma dúvida sobre a Italia visite a seção Dúvidas sobre a Italia.

4 COMENTÁRIOS

  1. olá Barbara,

    muito boas suas dicas. Estou gostando muito da sua página.
    Vou vasculhar mais…rsrs
    abraço!

COMENTÁRIOS:

Please enter your comment!
Please enter your name here