A Scala dei Turchi é um dos cartões postais da Sicília, com tudo de bom e ruim que isso comporta. Todo mundo quer ver as lindas falésias, tão lindas nas fotografias que circulam em redes sociais como Facebook e Instagram.

scala-dei-turchi-sicilia
Scala dei Turchi vista do alto em agosto de 2015

Como era a Scala dei Turchi em 2007

Foi meio por acaso que eu descobri uma das praias mais diferentes onde já estive, no sul da Sicília. Eu estava visitando os templos em Agrigento em 2007 e, depois de muito caminhar embaixo de um tórrido sol de verão, parei para ver uma barraquinha de souvenirs local. E eis que enquanto olhava os postais, em meio as fotos da Vale dei Templi, vi a imagem de uma praia chamada Scala dei Turchi.

Pedimos informação sobre o lugar para o dono da banquinha de souvenirs e ele nos informou que a Scala dei Turchi ficava bem próximo aos templos de Agrigento e que o lugar era realmente incrível. Fomos para lá em um tórrido dia de verão do final de julho e na época foi super fácil estacionar o carro: poucas pessoas frequentavam o local e nós paramos na rua mesmo (já em 2015 existiam dois grandes estacionamentos à pagamento lotados!).

Scala dei Turchi em julho de 2007

A particularidade da Scala dei Turchi é essa falésia branca que você vê na foto acima feita de uma rocha sedimentar chamada Marga. A impressão que eu tive ao vê-la pela primeira vez é que se tratava de uma pedra muito quente, que queimaria meus lindos pezinhos. Mas assim que a toquei percebi que ela era fria e bastante agradável de tocar.

Em alguns pontos desta falésia se formavam verdadeiras poltronas com vista mar. Cheguei a publicar a foto em um outro post aqui no blog. Caminhando sobre essas falésias era possível apreciar uma vista para o azul do céu e do mar, que se encontravam no horizonte.

Lógico que uma das primeiras coisas que eu fiz foi me jogar no mar e… mais uma surpresa! Embora estívessemos no final de julho, época mais quente do ano aqui na Italia, a água do mar era geladíssima. Imagine a sensação de virar um copo de água gelada cheia de cubinhos de gelo sobre o seu corpo quente bronzeado de sol. Nos primeiros minutos parecia que eu iria virar um picolé, mas depois a gente acostuma e o mar geladíssimo dá aquela revigorada (também, depois de um tempo nesta água gelada você não sente mais as pernas, os braços, o corpo, parece que está tudo anestesiado!).

Scala dei Turchi em 2007

Uma outra coisa interessante que reparei era que as pessoas cobriam o corpo de uma espécie de argila natural aos pés dessa falésia. Não tive dúvida: também esparramei a tal da argila pelo corpo! (se a praia estiver lotada, não faça isso!)

Scala dei Turchi

O pessoal estendia as toalhas para tomar sol sobre a falésia branca, mas para quem gosta mesmo de areia existe uma praia logo ali, onde você pode inclusive montar o seu guarda-sol. Nas duas fotos que seguem você pode ver melhor esse pedaço de areia e a água do mar límpida e transparente.

 

Scala dei Turchi em 2007

Quem quiser conhecer a Scala dei Turchi, vale a pena passar pelo menos meio dia por lá. Já para dormir, eu aconselho escolher um hotel na cidade de Agrigento.

Scala dei Turchi

Como é a Scala dei Turchi em 2015

Ela continua linda, mas virou um caos! Amigos, honestidade acima de tudo: em agosto de 2015 eu peguei fila para estacionar (pagando estacionamento), peguei fila para descer até a praia, uma multidão lotava as falésias e eu nem consegui fazer o banho de mar que eu esperava (me jogando das falésias, onde o mar é bonito, já que na frente da areia parece um pântano). Estava com minhas duas filhas (1 ano e 3 anos na época) e as pessoas caminhavam ao nosso lado sem nem tomar cuidado, eu morrendo de medo que alguém desse um esbarrão e a gente despencasse lá embaixo. A Scala dei Turchi continua linda de se ver, talvez seja mais razoável em junho ou setembro… Estraguei uma lembrança inesquecível de viagem! Dá para acreditar?

Abaixo o mapa que mostra exatamente a posição da Scala dei Turchi na Sicília:


View Sicilia in a larger map

13 COMENTÁRIOS

  1. @Natalie
    Oi Natalie, que delícia ser selecionada para a #Viajosfera do Viaje na Viagem. Obrigada! Vou avisar todo mundo! 🙂
    Abs
    Barbara

    @Marcia
    Delícia, né? Vai um mergulho geladinho aí? 😉

  2. Oi. Adorei o seu site! Estou pensando em ir para Sicília em novembro com marido e filho de seis anos, mas estou preocupada com o tempo… Você sabe se chove muito nesta época e se é possível ir à praia?
    Obrigada!
    Flávia

  3. OI Flávia, tudo bem?
    Em novembro é outono, quase inverno na Itália e em geral faz frio. Óbvio que na Sicília faz bem menos frio do que no norte da Itália. Se você pegar dias de sol até dá para ir a praia, mas a água do mar já está bem fria e o sol não é quente como entre maio e setembro. De qualquer modo, ao lado da Scala dei Turchi estão os templos de Agrigento, que merecem uma visita em qualquer época do ano. E se o tempo tiver bom, você pode dar uma passadinha na Scala dei Turchi também.
    Abs
    Barbara

  4. Ler seu texto e ver estas fotos só fez aumentar meu desejo para que o inverno acabe LOGO! E pode fazer o calor que for, mas a água das praias sem areia é quase sempre gelada mas é bom que dá uma tonificada na pele, combate a celulite, etc rsrs.
    Um abraço,
    Patricia
    PS: Não pude não ler o comentário da Flávia. Geralmente, novembro é um mês chuvoso na Sicília, mas o tempo é meio louco, tem dias que dá para sair de camisa de manga curta, tem outros que faz frio de geladeira. De qualquer forma, não é mês de praia! Mesmo que façam 20º, qual é o brasileiro que vai para a praia com uma temperatura dessas? 😀

  5. OI Patrícia,
    Ah, eu também não vejo a hora que passe esse inverno, que vontade de um delicioso banho de mar! Ainda mais em um mar cristalino como o siciliano… 🙂

    A coisa interessante que descobri na Sicília é que depende do lado da ilha que você estiver a água é mais fria ou mais quente. Por exemplo, no norte da Sicília, que é mais “protegida” pelo continente o mar é sempre quentinho no verão, mesmo nas praias de pedrinhas (ex. Palermo, todas aquelas praias nos arredores da Riserva dello Zingaro, San Vito Lo Capo… ). Já a parte de Agrigento é mais fresquinho, mesmo na parte de praia com areia da Scala dei Turchi (tem uma boa faixa de areia lá também).

    Um abraço para você,

    Barbara

  6. […] Quem vai a Agrigento geralmente pretende visitar a Valle dei Templi, um dos mais fascinantes itinerários arqueológicos da Sicilia. Declarado Patrimonio da Humanidade pela Unesco, aqui você vai se impressionar com os grandiosos restos da antiga colonia grega de Akragas. Nos dias mais quentes entre junho e setembro, não esqueça de levar protetor solar e chapéu/boné. Se estiver a fim de praia, não deixe de incluir uma visita a Scala dei Turchi. […]

Comments are closed.