Eu não sei quanto a você, mas até sair do Brasil eu sempre me comunicava com os meus amigos via internet, mesmo morando na mesma cidade. Quando cheguei na Itália, de repente a praticidade de ter internet em casa não existia. Eu sempre tinha que procurar cyber cafes (aqui chamados Internet Point) e no primeiro mês gastei uma verdadeira fortuna. É só fazer as contas. Em média o valor da hora é de € 3,00. Por isso, se você vem para ficar mais de um mês, faça um favor a si mesmo: compre um notebook e conecte-se!

Comprar um notebook

Quando a gente chega em uma cidade nova, em um país diferente, tudo é um verdadeiro mistério. Ok, quero comprar um notebook. Onde vou? Onde posso encontrar os melhores preços? Você tem duas opções: ir a uma das lojas especializadas ou comprar via internet.

a) Via Internet:
Eu sou daquelas fãs de carteirinha de comprar via internet simplesmente porque encontro ótimos preços e é muito prático. Sempre que tenho que comprar algo passo no site do Pixmania (www.pixmania.it). É um site de confiança e que entrega rapidíssimo os seus produtos. Basta um cartão de crédito.
Dica importante: Se você comprar qualquer coisa online, lembre-se de colocar o seu nome no Campanello (interfone) do prédio onde está morando e na caixa de correio. Quando o produto chegar, o correio irá tocar o interfone e você deve estar lá para receber.

b) Em uma loja:
Pode ser que você prefira passar em alguma loja pra se informar melhor sobre o computador certo para você, ou para procurar ofertas especiais, ou simplesmente para passear. Bem, as maiores lojas de eletrônicos italianas são Essedi (www.essedi.it), Euronics (www.euronics.it), Mediaworld (www.mediaworld.it), UniEuro (www.unieuro.com), Imperial-Expert (www.imperialspa.it). Você pode encontrar o endereço da loja mais próxima entrando nos sites. Lembro que você encontra nas lojas ofertas a partir de € 500, mas geralmente as ofertas a melhores preços são das máquinas menos top de linha, lógico. Faça suas contas. Lembre-se que um notebook fica com você aqui na Italia ou vai com você para o Brasil. Sem falar que no Brasil você sempre pode revendê-lo aos amigos.
Dica: Não se preocupe se o vendedor da loja te ignorar mesmo que você esteja pensando em fazer uma compra de € 1000. Aqui na Italia os vendedores de loja não ganham por comissão e sim por hora, então muitos não fazem questão de serem simpáticos. Até hoje o melhor tratamento que tive foi sempre na Unieuro e na MediaWorld. Mas depende sempre de sorte também…

c) Ebay
Ah, e claro você sempre pode contar com o www.ebay.it . A única coisa é que eletrônicos são sempre uma coisa delicada, que é difícil saber se o que tem dentro é mesmo aquilo que você pediu, ou ainda se o vendedor é de confiança. Pode ser uma bobagem minha, afinal, de resto, eu até que compro bastante lá (comprei por exemplo o meu colchão!). Mas isso quem decide é você.

Para finalizar o assunto compra de computadores. Você também pode optar por um usado. Basta comprar o jornal local da sua cidade italiana de classificados que você pergunta na banca mais próxima. Aqui em Firenze é o La Pulce que custa €1,80. Pense no entanto que computador de segunda mão pode ser uma caixinha de surpresas e na maioria das vezes já está fora da garantia.

2 COMENTÁRIOS

  1. Boas informações, obrigado! Meu irmão está em Milão e terá que comprar um note para estudar, ajudará muito ele a fazer uma boa escolha.

Comments are closed.